sexta-feira, janeiro 18, 2008

Os 10 Filmes de 2007

Achei que já não valia a pena adiar mais a lista dos 10 melhores filmes que vi estreados em 2007, uma vez que muito dificilmente terei a oportunidade de ir ao cinema ver "Paranoid Park" de Gus Van Sant e "Redacted" de Brian de Palma.
Foram apenas 23 filmes ao todo e um deles visto em 2008 em DVD.
Ficaram por ver além dos já mencionados acima, "Le Scaphandre et le papillon" de Julian Schnabel um realizador que me chamou a atenção logo com o seu primeiro filme "Basquiat" e cuja carreira tenho seguído atentamente (também só tem mais um filme além destes), "Death Proof" de Quentin Tarantino, "Half Nelson" de Ryan Fleck, Little Children de Todd Field, entre muitos outros.


7 - Apocalypto

Um filme sobre a queda da civilização Maia que culmina num final extremamente simbólico.
Mel Gibson tornou-se num realizador extremamente alucinado e gore e em "Apocalypto" eu gostei desse conjunto. Gostei dos seus devaneios e como estes que venham mais e melhores.


6 - 300


Penso que iria sempre gostar deste filme, mas a verdade é que tem um gosto especial por vir da famosa banda desenhada de Frank Miller.
"300" é um fabuloso exercício de estilo, é como esperaríamos que as cores de Lynn Varley ganhassem vida num ecrã de cinema e nesse sentido "300" não poderia desiludir.


5 - A Scanner Darkly

Ainda bem que a carreira de actor não é curta como a de futebolista, se não Robert Downey Jr. poderia ter sido o Maradona da representação. Felizmente podemos continuar a vê-lo brilhar em vários papeis e em "A Scanner Darkly" os diálogos entre a sua personagem e a de Woody Harrelson são delirantes.
Richard Linklater já tinha usado a técnica de rotoscopia em "Waking Life", mas foi neste filme que a vi ser usada pela primeira vez e gostei bastante, combinando muito bem com a estória de Philipe K. Dick.


4 - Zodiac

Adoro o trabalho de David Fincher, "Fight Club" é um dos meus filmes de culto, por isso aguardo qualquer obra deste realizador com grandes expectativas.
Zodiac é um regresso do realizador aos thrillers policiais, mas numa abordagem bastante diferente da que tinha usado em "Seven".
Este é o filme que aborda a investigação criminal exaustiva sobre o assassíno em série que atormentou São Francisco na décade de 60/70 e se apelidava de "Zodiac".


3 - Mysterious Skin


“Um não se consegue esquecer, outro não se consegue recordar”.
Um retrato inquietante da juventude, onde são abordados temas que vão desde a pedofilia até ao rapto por extraterrestres.
Um filme de 2004, que apenas chegou às salas portuguesas em 2007. É uma pena que muitos filmes de grande qualidade não passem pelas nossas salas, a "Mysterious Skin" ia-lhe acontecendo isso.
Neste filme Joseph-Gordon Levitt volta a mostrar que é um actor de peso e um nome a ter em atenção no futuro. Já o ano passado tinha salientado a sua representação em "Brick" outro filme magnífico.


3 - Control

O filme porque todos os admiradores de Joy Division estavam à espera.
Baseado na autobiografia de Deborah Curtis, Anton Corbijn conseguiu criar um dos melhores biopics de sempre sobre um músico, neste caso sobre o tão humano Ian Curtis.
Um filme de um enorme realismo sobre uma das bandas mais influentes de sempre. Todos os que já gostavam desta banda, de certeza que vão adorar o filme e aqueles que não conheciam muito provavelmente vão querer depois de abandonar a sala de cinema.


2 - Eastern Promisses
A representação nua e crua da máfia Russa em Londres é o mais recente projecto de David Cronemberg.
À semelhança do anterior ("A History of Violence"), este é um regresso em grande de um dos maiores cineastas de todos os tempos.
E o que dizer da química entre Cronemberg e Viggo Mortensen? A confiança e dedicação entre eles é notória e esperemos que continue a dar frutos no futuro como tem dado até agora.
"Eastern promisses" contém muito possivelmente também a melhor cena de pancadaria de 2007.


2 - Letters From Iwo Jima

Um retrato poderoso da batalha de Iwo Jima, contado através do olhar do Japão.
Clint Eastwood já provou várias vezes que não irá ser apenas recordado pela sua carreira de actor.
"Letters of Iwo Jima" é quanto a mim um dos seus trabalhos mais bem conseguídos na cadeira de realizador.


2 - El Laberinto del Fauno

Foi com este filme que descobri o universo mágico de Guillermo del Toro e fiquei apaixonado.
Uma fábula para adultos, foi apelidado por alguns, e percebe-se porquê. É cruel quando tem de o ser e ao mesmo tempo doce, ternurento.
Sem dúvidas um dos melhores do ano passado.


1 - The Fountain

Tanto "Requiem for a Dream" como "The Fountain" foram das maiores experiências sensoriais que tive em cinema. Ambos apelam a sentimentos diferentes, mas ambos cumprem em perfeita sintonia o seu objectivo que é o de sentir.
"The Fountain" é um filme muito pessoal, é a visão de Darren Aronofsky do amor e da morte. Por isso, mesmo quando vários problemas surgiram ao longo da realização do filme (chegou a ser cancelado e tudo) Aronofsky não desistiu até terminar a sua estória ("finish it"). Reescrevendo o guião e baixando orçamentos, não descansou até o conseguir.

13 comentários:

Maria del Sol disse...

Da tua selecção vi apenas dois, "Control" e "El laberinto del fauno", e estou plenamente de acordo, são ambos brilhantes. "A scanner darkly" infelizmente perdi-o no IndieLisboa, que era onde fazia questão de o ver porque numa tela de cinema a experiência visual deve ser ainda mais intensa. Agora vai ter de ser em dvd.

Beijinhos e bom fim-de-semana

Knoxville disse...

Caro _Loot_, partilho contigo o primeiro lugar ;)

ângela disse...

Só não vi o 3 e o 5, não gostei mt do zodiac nem do cartas :D gostei dos outros todos, e adorei o 300, e o the fountain!

Beijo *

Menphis disse...

O Fauno para mim foi o 1º, e isto porque não vi o " Eastern Promises", nem o " The Fountaid".

De resto, tenho que dizer que fiquei desiludido pelo " Scanner Darkly".

_Loot_ disse...

Maria: Se não fosse o Indie o scanner não tinha estreado por cá, felizmente tive oportunidade de ir ver, mas também foi o único. Os outros dois que mencionas são de facto brilhantes :)

Knoxville: Já tinha tido essa impressão ;)

ângela: Tenho dois números 3 mas como já sei que também gostaste muito do Control falas do Mysterious Skin. Eu gostei muito aconselho.
O cartas é fascinante para mim, mas gostos são gostos :P

Menphis: Eu gostei do Scanner, já comprei o livro dizem que é muito melhor, a ver se o leio.
Se tivesse visto alguns dos filmes que menciono duvido que o Scanner tivesse lugar nesta lista, mas acho que é um bom filme e aquele diálogo sobre as mudanças de uma bicicleta foi muito divertido.

Abraço a todos

Gonçalo Trindade disse...

É bom ver tanta gente a colocar essa obra-magna no primeiro lugar. Concordo contigo com a maior parte da lista (mas já sabes que não gostei do 300 :P). E nem acredito que ainda não vi o Labirinto do Fauno...

_Loot_ disse...

Vou copiar uma frase que já te vi usar:

"vai já alugar o Labirinto do Fauno!!!"

Como disse se tivesse visto alguns filmes que menciono no post duvido que os últimos lugares da lista fossem os mesmos, mas de qualquer das maneiras acho o 300 um bom filme. E gosto quando as opiniões são diferentes e as pessoas podem ter uma boa conversa sobre o assunto como aconteceu contigo e com o 300.

Abraço

Gonçalo Trindade disse...

É que o Labirinto do Fauno está-me sempre a escapar... e agora há tantos filmes no cinema... o do Jesse James parece que já me vai escapar, para minha grande tristeza... e agora lançam logo o do Burton, do Sean Penn, e o do Ang Lee na mesma semana... que loucura...

Há sempre bons (ou excelentes) filmes que nos escapam todos os anos. Cada Top 10 acaba sempre por ser algo limitado... simplesmente não há tempo (e dinheiro) para tudo... acho que comigo nem chegaram aos 23 (e também me escaparam alguns desses que falas, como o Le Scaphandre eet le papillon, e o Half Nelson... e o Control, o Control, talvez o que mais lamento ter perdido...)

A blogoesfera é para isso mesmo: ter conversas construtivas sobre os gostos de cada um e a arte em geral. E contigo tenho tido muitas dessas belas conversas.

Abraço!

Nuno Miguel Santos disse...

falta-te "Half Nelson" de Ryan Fleck

_Loot_ disse...

Infelizmente, juntamente com outros, foi um dos que me escapou. A ver se o vejo este ano.

Abraço

Anónimo disse...

bestellen cialis cialis
cialis acquistare cialis compresse
precio cialis cialis venta
cialis cialis

Anónimo disse...

[url=http://kaufencialisgenerikade.com/]cialis bestellen[/url] cialis preise
[url=http://acquistocialisgenericoit.com/]cialis generico[/url] prezzo cialis 5 mg
[url=http://comprarcialisgenericoes.com/]cialis[/url] comprar cialis generico
[url=http://achatcialisgeneriquefr.com/]cialis[/url] achat cialis en france

Anónimo disse...

http://prixviagrageneriquefrance.net/ viagra prix
http://commanderviagragenerique.net/ achat viagra
http://viagracomprargenericoespana.net/ viagra sin receta
http://acquistareviagragenericoitalia.net/ viagra acquistare