sábado, abril 07, 2007

Influências/Semelhanças #3

Batman

Foi criado por Bob Kane e Bill Finger em 1938.
Além de ser um dos super heróis mais conhecidos no mundo, é o mais usado para escrever novelas gráficas (livros de banda desenhada mais maduros), e qualquer um que já tenha lido Batman, percebe porquê.
Quando Bruce Wayne assistiu ao assassinato dos seus pais durante um assalto, jurou livrar a sua cidade do crime. Ostentando o símbolo do Morcego, tornou-se o protector de Gotham City, ele é o Cavaleiro das Trevas ele é o Batman.
A imagem de Bob Kane era a de um Batman negro, que sentia poucos remorsos pela comunidade criminosa. Infelizmente Bill Finger achava que este personagem precisava de um parceiro e assim Robin nasceu (Damn you Finger!!!).
Após a criação de Robin vieram os verdadeiros tempos negros deste herói, o cavaleiro solitário como o próprio nome diz devia estar sozinho e não ter de andar com um rapazito que se vestia de amarelo, vermelho e verde, cores que não chamam nada a atenção quando se percorrem as ruas de noite.
Felizmente nos anos 70 o escritor Dennis O´Neil fez um esforço para trazer de volta o Cavaleiro das Trevas às suas verdadeiras origens, mas foi Frank Miller com "The Dark Knight Returns" e "Year One" que literalmente ressuscitou o vingador da noite.

Daredevil

Criado em 1964 por Stan Lee e Bill Everett.
Na sua primeira aparição usava um fato amarelo e vermelho, mas não demorou muito até que o amarelo desaparecesse por completo.
Matt Murdock, não é o que eu chamaria de uma "rip-off" do Homem Morcego, porém as semelhanças entre os heróis são algumas.
Se Batman é o Dark Knight da DC Comics, Daredevil é sem dúvida o Dark Knight da Marvel.
À semelhança de Bruce Wayne o seu pai é assassinado quando ele ainda era uma criança e após terminar o curso de direito, torna-se também um vingador nocturno com a missão de proteger a sua cidade do crime.
Em termos atléticos não pussui nenhum super poder, como Batman é apenas um homem sozinho a lutar por um mundo melhor. Mas dizer que Daredevil, não pussui nenhum poder é completamente errado.
Certo dia ao salvar um homem cego de ser atropelado por um camião, uma substância radioactiva atinge-lhe os olhos cegando-o. Como é normal acontecer quando se perde a visão, os restantes sentidos tentam compensar aumentando a sua sensibilidade. Mas algo mais mudou na vida de Matt, graças aos compostos radioactivos do líquido que o cegou, ele ganhou um "sentido radar", que lhe permite "ver".
Este sentido funciona como um sonar similar à ecolocalização utilizada pelos morcegos, mais uma curiosa associação a Batman. Cheguei a ler em tempos que ao contrário dos morcegos, Matt não precisa de produzir som para a partir do "efeito eco" conseguir visualizar os objectos, usando para esse efeito o som do ambiente que o rodeia. Desconheço no entanto se esta explicação é rigorosa e caso seja se ainda se mantém ou se foi modernizada nos tempos que correm.
Para terminar tenho de falar de Frank Miller, que não tendo criado nenhum dos personagens em questão estará sempre associado a eles.
É graças a Miller que Daredevil é hoje um dos personagens mais influentes da Marvel e é a ele quem temos de agradecer pelo verdadeiro "Regresso do Cavaleiro das Trevas".
Cliquem nas imagens para mais informações sobre estes dois heróis.


Nota: Algumas informações como por exemplo as datas foram retirados do site da wikipédia.

6 comentários:

Fábio Jesus disse...

Prefiro a aura negra de Batman, como não sou o maior conhecedor das bds, sempre que penso em Daredevil vem-me à cabeça o Ben Affleck. Enfim.

Vou-te linkar no Os Novos Pornógrafos ;)

Fica bem

_Loot_ disse...

Obrigado

O Batman é o meu super herói preferido, por isso se tiveres de escolher um livro entre estes dois irei sempre aconselhar Batman.
Mas o Daredevil também merece ser lido e sim o filme é horrível, uma das piores adaptações de BD.

Abraço

ArmPauloFerreira disse...

O comparativo é realmente muito pertinente e de certa forma óbvio pois são duas empresas rivais de BD, logo haverá sempre situações destas em ambos os lados.

Na descrição do Demolidor, faz aí uma critica ao filme, pelo efeito (errado) de como ele vê (precisa de produzir som). No filme o efeito funciona e serve de twist narrativo mas realmente o único poder de DareDevil na BD é o seu sonar e no filme foi suavizado para fazer lógica no contexto dos sentidos apurados.

Eu até gostei do filme do DD por nele se perceberem intenções de ser algo que apenas não conseguiram atingir - o Cristopher Nolan mais tarde veio a conseguir estabelecer estas trevas internas (mais uma vez Batman levou-lhe a melhor). Tenho o DD em DVD e nunca tive a chance de ver a versão director cut onde dizem ser substancialmente diferente, tornando o filme bem melhor que o original.

Loot disse...

Sobre o radar de Daredevil estive agora a pesquisar novamente e já removeram uma parte que encontrei na altura, por isso alterei um pouco o texto para não deixar dúvidas.

Quanto ao filme, eu não gostei. Achei fraquinho, mas já vi bem pior também. Desconhecia era a Director´s cut, gostava de ver agora que mencionaste.

O Daredevil continua a ser para mim um dos melhores personagens da Marvel.

O Batman teve mais sorte como dizes, mas também já sofreu muito no passado, pois Batman & Robin é muito pior que o filme do Daredevil :P

Abraço

ArmPauloFerreira disse...

No meu comentário pretendia dar a entender que o sentido de orientação do DareDevil está errado no filme.
Pelo menos pelas BDs que lia antigamente nunca precisou de som para ter o efeito de sonar... é como me recordo dele. O filme tentou trazer mais lógica e "realismo" a esta situação e usa-a de maneira a servir a narrativa também.
O DareDevil merecia uma versão tipo os Batman de Nolan pois tem imensas potencialidades. O filme tentou fazer isso sem o conseguir estabelecer devidamente. É por aí que dou beneficio ao filme e o considero bem melhor do que todos apregoam.
Pelo que fui descobrindo a Director's Cut, tem mais minutos 30min, com mais cenas de tribunal onde Matt tem um adversário por lá muito peculiar e uma ou outra diferença nas cenas de acção e um pouco mais do Bullseye e Kingpin e tal.

Trailer:
http://www.youtube.com/watch?v=hx26BlPzGgc

Review (exemplo):
http://dvd.ign.com/articles/559/559295p1.html

Mas nunca vi... não o consigo "apanhar" mas nunca me esforcei muito. Mas dizem muito bem desta versão... e agora que falei nele a curiosidade voltou até!

Loot disse...

Mas eu até concordo quando os filmes modernizam algumas coisas. Peguemos no Aranha, usar a radiação para lhe dar poderes está mais que datado, a genética tinha de ser usada no filme. Claro que já tinah sido alterado no universo Ultimate da Marvel.

Também não tneho muita confiança no realizador, não gostei do Ghost Rider. Mas concordo que há coisas bem piores deste género.