terça-feira, janeiro 31, 2012

Dead Can Dance - Sanvean



Dizem que 2012 é ano de um novo álbum de originais.
Aguardo impacientemente.

27 comentários:

Patxi disse...

Não conhecia.
Adorei ouvir e em breve ouvirei mais.

Loot disse...

O último álbum de originais deles data de 1996 acho eu. Já me tinha mentalizado que o duo tinha terminado.
Por isso esta notícia soube mesmo bem, agora que as reuniões estão na moda tudo é possível.

Ambos têm projectos a solo, a vocalista, Lisa Gerrard participa na banda sonora do Gladiador que provavelmente já ouviste :)

Patxi disse...

Já tinha ouvido falar dela, sim. já agora, grande banda sonora. :)

Já estou a ouvir, à maluca, tudo o que há no soundclound deles. :)

Obrigada

Loot disse...

Sim, o filme nem ligo muito mas a banda sonora ouço-a frequentemente :)

soundcloud? Não conheço, vou ali ao amigo google e já venho.

É muito bom é, agora é torcer que passem por cá para um concerto

Patxi disse...

soundcloud.com

Ainda bem que me corrigiste, porque escrevi um n a mais.

Eu gosto muito de ouvir música no soundcloud.com (não posso ter mp3's no computador do trabalho). Tenho feito grandes descobertas por lá, uma delas é esta pequena banda: http://soundcloud.com/themissingfingers !

Loot disse...

Não foi intencional li assim :P

Tenho de consultar, acho que muita coisa me passa ao lado actualmente. Mas o fluxo de informação é tão grande agora.

Estes senhores com dedos a menos são jeitosos são, obrigado :)

Patxi disse...

Isso significa que o teu cérebro está a funcionar muito bem. ;)

Consultar os especialistas é que é preciso, porque ninguém consegue saber de tudo (penso eu).
e ... de nada.


P.S. - Orko do TVShowGeeks, s/n?

Loot disse...

E tem bandas portuguesas esse site, estava agora a ouvir Noiserv :D


PS: Só o facto de saberes que se chama Orko merece respeito :P
Sim.

Patxi disse...

Noiserv é tão bom! :)
Mesmo no SBSR às 18h, ao sol e com cerveja quente o concerto dele foi delicioso.

P.S. - eram dos meus desenhos animados preferidos. Odiava a She-Ra.

Loot disse...

Também foste um dos bravos que andou pelo mar de pó do SBSP :P

A She-Ra era fraquinha era. Não só ela como os amigos. He-Man é que era. Se bem que hoje em dia com aquele penteado duvido que fosse bem recebido lol

O que me lembra: http://alternative-prison.blogspot.com/2008/03/top-5-os-piores-disfares-de-um-super.html

Patxi disse...

Uma das bravas sim. E tive que aturar The Gift para poder ver Arcade Fire lá à frente.

He-Man era fantástico, eu corria para a TV para ver.

Dos piores disfarces de um super herói falta-te aí o Hulk .

Loot disse...

Eu também estive lá à frente mas os Gift não me incomodam. Aliás esse foi o melhor dia, portishead e Arcade deram dos melhores concertos do festival :)

He-Man é o 1º desenho animado que me lembro de ver com dedicação.

Os disfarces é no sentido de serem reconhecidos, o Hulk não tem nada a ver com o Bruce Banner, quem vê um e o outro não diz que são a mesma pessoa :P

Patxi disse...

Portishead tb foi muito bom, muito bom mesmo. Mas, eu sou mais miúda de AF (ainda não perdi nenhum concerto deles em Portugal, e o primeiro foi em Paredes de Coura).

Hulk é reconhecível, o olhar não engana. ;)

Loot disse...

Gosto dos dois. Mas Portishead teve uma qualidade de som melhor. Não ouvia os violinos em AF. Mas a comunhão com o público e tudo enfim um dos melhores concertos que assisti o ano passado.
beirut não correu muito bem infelizmente (o 1º dia foi o mais fraco).

Patxi disse...

o eterno problema do som em AF. :(

Só fui ao dia de AF, não tinha férias e naquela sexta-feira saí do trabalho às 15h, estava com uma ansiedade enorme, a espera por AF era desde o SBSR de 2007. :)

Sim, li que Beirut foi fraquinho e até me deu uma dor no sábado quando via na Sic Radical que ninguém ou quase ninguém conhecia Elbow.
Se foste os dias todos, és agora foco da minha inveja. :)

Loot disse...

Eu foi a 1º vez que os vi. Mas sei que causaram impressão em 2007. Quando perguntei a uma amiga que banda salientava do festival AR foi a resposta.

Elbow foi muito bom. Sentia-se que o público que estava lá para eles era uma minoria mas acho que a banda cosneguiu ir cativando cada vez mais com a música e o bom humor :)

Públicos terríveis foi no Sudoeste. Em termos de público o pior concerto de National :(

Patxi disse...

A 1ª vez que vi AF foi em Paredes de Coura em 2005.

And I hate you! Viste The National no Sudoeste? eu vi pela Sic Radical e só me apetecia espancar o público.

Em Maio eles deram um concerto brutal, brutíssimo, brutalissíssimo , no Campo Pequeno, uma amiga minha até lhe tocou na mão. :) Foi uma semana antes do concerto de Sufjan Steven. Foram duas terças-feiras épicas. :D

Loot disse...

Humm devia ser o de 2005 então, como não estive não sei. Foi a 1º vez que vieram a Portugal a Paredes, no mesmo ano que os death from abovee 1979 (acho eu posso estar a confundir).

National é mesmo banda para ver num espaço mais intimista. Infelizmente só vi em festivais. Mas se no Alive o público adorava, no Sudoeste não queriam saber. Estavam lá para Swedish House Mafia e nada mais. "quem são estes interpol e national" ouvia-se.
Bem ao menos os miúdos que estavam a guardar o lugar na 1º fila desde cedo deixaram-nos ver national lá já que não apreciavam. Ainda assim a Mr November acho que conquistou algum pessoal. Mas até eles disseram que foi o encore com menos palmas que assistiram.

Interpol não correu tão bem como estiveram em piloto automático não tentaram aliciar novos fãs. Já o vocalista dos National esteve sempre em alta. quando pegou na garrafa de vinho ganhou automaticamente 10 fãs novos no público.

Patxi disse...

o Matt tem esse poder e a cena do encore foi transmitida na Sic Radical.é pena.
o Matt no Campo Pequeno era equilibrado pelo microfone de tão bêbedo que estava. E o concerto foi tão bom. :)
Tb viste The National no Alive?

Em 2010 não fui a nenhum festival. Estive em trabalho noutro continente.

Loot disse...

2010 fui ao SBSR e ao sudoeste. No sudoeste as pessoas não vão pela música e isso nota-se muito. Mas queria ver Kanye West e aproveitava e via National, Asian dub foundation, Valete e mais algumas coisas.

Vi National no Alive num dos melhores cartazes a que assisti. Veio Bob Dylan, Neil Young, Midnight Juggernauts, Rage agains the machine :D

foi memorável!!!

O continente é o africano? o dos fungos? Acho que não precisas de ter inveja então. Ficaste a ganhar :P

Patxi disse...

pois foi, dos melhores cartazes que já esteve em Portugal. Até no palco secundário teve Hercules and Love Affair. :)
Adorei e nunca pensei que ia gostar de ver ao vivo Rage.

Sim... Africano. Ganhar? Sim, ganhei muita paciência. Muita paciência mesmo. Lá as coisas funcionam a duas velocidades (parado e lento).

Loot disse...

Ganhar no sentido de conhecer um novo continente, um novo país, culturas diferentes.

Também estiveste lá então :P
Rage foi do caraças. Hercule não vi, havia algo ao mesmo tempo não me lembro o quê.

Patxi disse...

Gogol Bordello. :) Vi o fim do concerto deles.

Oh, nisso definitivamente. Fiquei deslumbrada por África. :)

Loot disse...

Então confere, estive nesse. Não conhecia e o pessoal com que estava queria ver. Foi porreiro uma festa em palco e tal. Na altura gostei bastante mas agora que estou a tentar lembrar-me nem tenho grandes recordações do concerto lol

Patxi disse...

Foi um concerto bastante dançavel. Parecia mais uma festa de aldeia. :)

cube disse...

dead can dance remete-me um cd pirata para a minha mãe, lembras-te? ;)

no sbsr, the gift deram um grande espectáculo (mas sou suspeita pois ao contrário do comum dos mortais gosto muito), contudo o momento alto para mim foi mesmo portishead, uma vida à espera deles tornou aquele momento único!

arcade fire foi muito bom para acabar a noite a dançar e a cantar.

RATM... foi brutal!;)

Loot disse...

Acho que a popularidade dos The Gift ainda diminuiu mais por causa dos Amália Hoje. E em relação a este último projecto já sabes que prefiro o Amália Revisited é bem mais interessante :P

Mas na altura do vinyl não acho que eram bem vistos. Aliás acho que as pessoas não gostam mesmo é deles não é só uma questão musical. Não sei. Devíamos fazer uma análise estatística.

Por falar em CD's piratas houve alguém que se livrou do seu Battle of LA dos grandes Rage e não fui eu :D