quinta-feira, outubro 16, 2008

Blacksad: Algures Entre As Sombras

Blacksad foi criado pelo escritor Juan Díaz Canales e pelo artista Juanjo Guarnido. Apesar de os autores serem espanhóis o seu mercado alvo de Banda Desenhada era o Fraco-Belga e por isso todos os livros foram originalmente publicados em Francês.
Existem até à data três livros de Blacksad sendo o primeiro este "Algures Entre As Sombras" editado pela primeira vez pela editora Dargaud no ano 2000 em França e mais tarde em 2002 em Portugal pela editora Asa que recentemente voltou a lançar este e o segundo volume em parceria com o jornal Público.
A primeira coisa que salta à vista nesta obra é a de que os autores decidiram utilizar como personagens, para contar esta história, animais antropomórficos. Uma decisão que teve consequências deveras interessantes pois permitiu-lhes usar a natureza inerente de cada espécie animal ao definir a personalidade dos personagens e o resultado é fantástico.
Sendo assim temos canídeos a representar grande parte da força policial, animais de grande porte a interpretarem pugilistas ou guarda costas como é o caso do gorila, do rinoceronte e do urso, um rato que simboliza a traição e obviamente o detective solitário e herói desta história, o gato que dá pelo nome de John Blacksad. Mas isto são apenas alguns exemplos há vários pormenores a serem apreciados ao longo de todo o livro.
A história desenrola-se no final dos anos 50 e tem início com o assassinato de uma bela actriz de Cinema, Nathalia Willford. Blacksad torna-se o detective responsável por desvendar este mistério. Porém dizer que a morte de Nathalia é apenas mais um caso é um erro crasso, pois Blacksad e ela foram, algures no tempo, amantes.
Envolvendo-se pessoalmente na investigação, Blacksad vai subindo cada vez mais na "cadeia alimentar" há medida que vai descobrindo novas pistas. O problema é que no topo desta cadeia encontra-se alguém muito poderoso e que usará todos os meios que tem disponíveis para encerrar esta investigação. Resta-nos agora saber se quando chegar a derradeira hora Blacksad saberá tomar a decisão certa.
O ambiente de "policial noir" criado por Juanjo Guarnido em todo livro é simplesmente brilhante. O retrato sujo e corrupto da cidade é perfeito e os animais estão todos representados com uma enorme humanidade e com tudo o que isso traz de bom e de mau.
Infelizmente o argumento de Juan Díaz Canales não consegue atingir o mesmo nível de perfeição obtido pela arte. E com isto não pretendo dizer que a história de "Blacksad" é má, antes pelo contrário, apenas saliento que o desenrolar deste mistério fica um pouco aquém das expectativas, o que poderá ter ocorrido devido ao pouco tempo (ou número de páginas) que Canales teve para explorar a história em questão.
Mas devemos olhar para "Blacksad" como uma série de aventuras onde "Algures Entre As Sombras" serve perfeitamente como uma bela introdução ao personagem, apresentando-nos o seu mundo, quem ele é e aquilo de que é capaz.
Com isto tudo quero dizer que aconselho vivamente a leitura de "Blacksad" e garanto-vos que a partir daqui o mundo deste detective só tende a melhorar. Claro que se não concordarem não reembolso o dinheiro a ninguém.

20 comentários:

Bongop disse...

Esta é uma grande falha minha... que eu quero ver se resolvo ainda esta semana.... um "must have" que eu não tenho!
grunff amanhã irei resolver o assunto!

Red Dust disse...

Comprei-o aquando da iniciativa conjunta do Público / Asa. Mas continua à espera de leitura... glup... tenho que ver se o passo para cima do monte!!!!! :)

Abraço.

looT disse...

Bongop: eheh tem calma este até é fácil de arranjar aproveita e traz também o segundo :P

Red: Então também vem com Artik Nation. Isso é excelente pois o Artik Nation ainda é melhor :)

Abraço aos dois

kitt disse...

"Mas devemos olhar para "Blacksad" como uma série de aventuras onde "Algures Entre As Sombras" serve perfeitamente como uma bela introdução ao personagem, apresentando-nos o seu mundo, quem ele é e aquilo de que é capaz."

Eu conheço alguem que disse algo parecido lololo :),boa review loot.

"Então também vem com Artik Nation. Isso é excelente pois o Artik Nation ainda é melhor :)"

Exato,Bongo toca a comprar lolo,para alguns sortudos aqui os esses 2 hc tiveram 50% de desconto nos Mega Saldos do MUNDO FANTASMA.
Mas eu ja tinha a edição Asa/Publico e deixei passar mas comprei 2 hc em fb,eh,eh,eh.

looT disse...

Kitt: Quem? tu? Estamos de acordo então :)
Obrigado

looT disse...

Alguém sabe até quando duram os 50% de desconto da Mundo Fantasma? É que vou ao Porto neste fim de semana :D

kitt disse...

Os saldos duram ate a chegada da próxima carga da Diamond esta tudo no
Blog deles.

"Kitt: Quem? tu? Estamos de acordo então :)
Obrigado2

Sim no Forum CC.

Gonçalo Trindade disse...

Abriste-me a curiosidade... vai pra lista de espera. Há tantos que quero ler, tantos...

Gabriel, um aviso: os dEUS vão esta segunda-feira à fnac do Chiado, às 18:30, fazer um showcase. Como sei que gostas deles, fica já aqui o aviso... é bom, e é de graça :D.

Um abraço

looT disse...

Kitt:Eu depois vi logo que tinha de ser do fórum CC. Também andas sempre a mudar de nick Grimlock/Kitt/Optimus Prime :P
Obrigado, fui lá e à Central Comics :)

Gonçalo: Se puderes traz também o Artik Nation que é melhor :)
Se fou a edição da Asa/público já vêm os dois juntos.

Obrigado amanha m princípio lá estarei :D
Bom concerto já agora ;)

kitt disse...

E as compras foram boas???

Maria del Sol disse...

:D

Já valeu a pena ter vindo aqui, mesmo pensando que só ia dizer que fiquei curiosa por ter lido a tua crítica... afinal acrescento que amanhã lá estarei batida na Fnac à hora marcada!

Maria del Sol disse...

Isto é, se nenhum percalço académico de última hora surgir, uma vez que tenciono faltar a uma aula :P

looT disse...

Kitt: Na mundo Fantasma comprei o "League of Extraordinary Gentlemen VOl.II" e na Central comprei "The Collections of Sha".
Devia ter ido mais para os saldos mas o vício aliado ao FIBDA que está aí à porta não me deixaram resistir ;)

Maria: Como pudeste comprovar eu avisava-te sempre :P
E lá estivemos pena é que como nós estiveram centenas de pessoas :S
E o Balcksad eu posso emprestar-te ;)

Gonçalo Trindade disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gonçalo Trindade disse...

Foi realmente um concerto absolutamente incrível, que ficará na minha memória. Indescritível.

Hoje à tarde também foi um belo concerto acústico, um privilégio para os presentes. Mas melhor foi quando andei à caça deles no final do concerto pela FNAC. Consegui conhecê-los a todos apesar de algumas peripécias (complicado falar com o Tom Barman... vejo-o a descer as escadas a correr com o manager pra ir fazer entrevistas, apanho-o com o meu album na mao "ah sim claro que assino, tens uma caneta?"".....PORRA :|". Depois lá pedi uma caneta a uma senhora da FNAC lá o apanhei no final de uma entrevista), e são todos de enorme simpatia. Autografaram-me todos a minha cópia do Vantage Point :D. Só por isso valeu a pena.

looT disse...

Quando estava lá pensei que tu também devias andar por ali mas com aquele mar de gente também era impossível encontrar alguém quanto mais alguém que não conheço fisicamente ;)
Ainda vi a banda a passar por mim mas o concerto em si era impossível, muitas pessoas e muitas pessoas altas, depois fui embora estou a ver que tiveste uma grande sorte :P

Abraço

Gonçalo Trindade disse...

Tava lá com uns amigos, um bocado lá à frente (chegámos cerca de uma hora antes). Tinhas gritado "GONÇALO TRINDADE PORRA!" que eu talvez tivesse olhado :p. Era mesmo um mar de gente, eu como sou um tipo alto ainda conseguia ver bem, mas era só cabeças por todo o lado.

Tive muita sorte, mas também se não me tivessem autografado o cd desta vez acho que me passava. No concerto da aula magna no final fiquei cerca de uma hora depois à espera deles... mas ficaram numa aftershow party, e demoraram demasiado tempo. Desta vez tinha mesmo de dar o tudo por tudo pra me assinarem o raio do álbum.

Abraço

Menphis disse...

Do Blacksad comprei na colecção do Público mas, confesso, ainda não o li.

Outra coisa, sabes alguma coisa disto :

http://belalugosiisdead.blogspot.com/2008/08/novo-filme-do-batman.html

Fifeco disse...

Sempre gostei de histórias de detectives, sobretudo aquelas mais noir... Não conhecia a obra mas parece-me uma boa opção :p

Abraço

looT disse...

Gonçalo: Vai ter de ficar para a próxima. E sim eles parecem ser impecáveis.
Sempre posso dizer que ouvi o concerto :)

Menphis: Sobre o link sei que muito possivelmente haverá um Batman 3 mas aqueles posteres são feitos por fãs. Ainda nem sequer há confirmação dos vilões.
(As tuas revistas agora já estão no Cacém :P)


Fifeco: Então acho que vais gostar disto :)