quarta-feira, abril 02, 2008

Jericho

A série tem início com o regresso de Jack Green (Skeet Ulrich) à sua cidade natal, Jericho no Kansas. Jake é uma espécie de filho pródigo de Jericho que regressa passado cinco anos, apenas para reclamar a herança deixada pelo seu avô. O seu regresso está envolto em mistério e por cada amigo que revê conta uma estória diferente ao lhe perguntarem o que tem feito nos últimos anos, o que nos faz pensar se Jake está a contar a verdade ou não.
Quando visita a família o seu pai, Mayor de Jericho tal como o seu avô tinha sido e o seu irmão possivelmente será no futuro, recusa dar-lhe o dinheiro e cedo nos apercebemos que algo de terrível aconteceu para Jake ter abandonado a sua vila, ou seja, muitas questões se levantam sobre este misterioso personagem, mas que apenas serão respondidas pouco a pouco ao longo do desenrolar da série.
É de salientar que Jake apenas tinha intenções de passar por Jericho e não de regressar definitivamente, todavia antes que pudesse abandonar a vila novamente, uma explosão nuclear é observada em Denver (uma cidade perto de Jericho) e de repente tudo muda.
A premissa desta série é quanto a mim muito apelativa e gira à volta de dois temas bastante interessantes. Em primeiro lugar o que aconteceria à população de um país sobrevivente a um ataque nuclear nos dias de hoje? Como lidariam com os problemas derivados da falta de energia de que estamos tão dependentes hoje em dia, principalmente nos hospitais e na passagem do Inverno. Como se protegeriam contra a radiação libertada pelas bombas e como resolveriam os problemas relacionados com a falta de alimentos.
Neste caso em particular a estória esta centrada no povo de Jericho onde observamos todas estas dificuldades, mas vamos tendo também um vislumbre do que se passa em cidades vizinhas. Um massacre deste tamanho altera as pessoas e grupos começam a formar-se a fim de lutarem pela sua sobrevivência.
O outro tema importante é a teoria por detrás do ataque. Após a explosão das bombas nucleares Jericho perdeu contacto com o mundo exterior e durante muito tempo vive um período de escuridão onde várias teorias podem ser formuladas. Terá sido o ataque proveniente de grupos terroristas? Ou de países como a Coreia do Norte ou Rússia? Terão sido extraterrestres? Ou os próprios Americanos a atacarem-se internamente? Aqui confesso que me lembrei de "Watchmen" e que poderiamos estar a falar de um plano semelhante ao que aconteceu nesta novela gráfica de Alan Moore.
Sobre este tema em particular há que salientar outro personagem da série, Robert Hawkins (Lennie James) alguém ainda mais misterioso que Jake. Um homem que se deslocou recentemente para Jericho porque tinha prévio conhecimento das cidades que iam ser atacadas, o que nos leva a questionar qual o seu papel em tudo isto.
"Jericho" foi cancelada recentemente durante a segunda temporada, decisão esta que não surgiu como surpresa e que deu tempo aos seus criadores para gravarem os episódios finais. Foram gravados dois finais, um em aberto caso a série pudesse regressar ou ser terminada em filme, há semelhança de "Firefly", ou um final definitivo. Este último foi o escolhido, que acaba por ser o final de um capítulo introduzindo-nos a uma nova aventura que pode mas não precisa de ser contada para concluir a série. Nesse sentido fez-me lembrar o final do primeiro Matrix.
Na minha opinião é uma série aconselhável que me entreteu e divertiu muito, para quem gosta do género fica a sugestão.
Encontra-se a passar actualmente no AXN às segundas-feiras pelas 21:30.

11 comentários:

Red Dust disse...

Precisamente. Estou a acompanhar no AXN. Parti com muitas expectativas, pois prometiam-se muitas surpresas.

Tem sido agradável, até ao momento, mas sem grandes 'rasgos', havendo um ou outro episódio sem desenvolvimentos de maior.

Espero que ainda apareçam. :)

Abraço.

Menphis disse...

Vi os primeiros 5 episódios, mas confesso que não sei o que me tem acontecido que, ultimamente,não tenho seguído nenhuma série :)Tenho de ter um tempinho para voltar a ver essa série que até estava a ser interessante. No entanto, a outra série que quero acompanhar é " Deadwood". Já viste ?


PS: então o Beirut já não vem ?

looT disse...

Red: Não sei se o mistério cumprirá as tuas expectativas, mas vão haver episódios bastante bons, aguarda ;)

Menphis: Há séries melhores, mas acho que vale a pena conhecer Jericho, eu gostei. Deadwood nunca vi mas ouço sempre falar bem.

Beirut já não vem??? Não sei nada sobre isso. Fico com muita pena era dos concertos que tinha mais vontade de ir ver :(

Filipa disse...

Hum quero ver mas não no Axn... nunca consigo acompanhar os episódios todos. Vou esperar :P

looT disse...

Fazes bem porque esta é uma daquelas séries cujo os episódios devem ser vistos por ordem.

bj

Anita :) disse...

é uma série a não perder...tem alguns epis menos conseguidos mas no global safa-se bastante bem...

só foi pena ter sido cancelada errrrhhhhhhrrrssss:((

enfim...espero que outro canal resolva pegar nela...

beijinho

looT disse...

Bem ela terminou, como disse dá para continuar mas seria num registo diferente afinal as pessoas já vão saber o que aconteceu e será outro género de série. Não sei como iria resultar mas se o fizerem eu hei-de de certeza experimentar ver.

bj

Anónimo disse...

A Sic tambem ja transmitui alguns episodios aos domingos(os que o AXN,esta a repetir),pode ser que volta a transmiti-los quando acabar o Entre Vidas,

Grimlock

maurobindo disse...

Esta é mais uma ma lista de backups. Mas antes quero ver "Journeyman", com o Kevin McKidd (Lucius Vorenus da série Roma). Este senhor é o mais provável candidato para o papel do filme sobre Thor. :)

Cataclismo Cerebral disse...

Não a acompanho, mas intriga-me o culto desta série. Se existe tanto burburinho, é porque a coisa deve ser bem interessante...

Abraço

looT disse...

Grimlock: Já ouvi essa estória algures de que a sic a meio nda temporada simplesmente parou de dar a série.

Mauro: tenho mesmo ver se vejo "Roma" ouço maravilhas sobre esta série.

Cataclismo: a ideia é interessante e há episódios muito bons, no geral há séries melhores mas se tiveres tempo acho que vale bastante a pena ver, eu gostei.