sábado, março 31, 2007

The Crow - OST


Este álbum traz-me muitas recordações, foi o primeiro CD que comprei de uma banda sonora e deu-me a conhecer algumas das bandas que hoje se encontram entre as minhas favoritas, nomeadamente os Nine Inch Nails e os The Cure.
O meu primeiro contacto com o Corvo de James O´Barr foi quando vi algures durante a minha adolescência o filme de Alex Proyas. Eu adoro todo o conteúdo que envolve esta estória e por isso não foi difícil que o filme tivesse ganho em mim um carinho especial.
As maiores influências de James O´Barr durante a criação desta obra prima da banda desenhada, vieram da música. Bandas como os Joy Division, os The Cure, ou Iggy Pop, foram marcos de extrema importância na elaboração da estória de Eric Draven.
E se o Corvo nasceu um bocado da música, este era um factor demasiado importante para ser ignorado durante a realização do filme. De um modo geral a banda sonora funciona em perfeita sintonia com o filme, faltam algumas bandas importantes, mas não sei a razão dessa falta, e acredito que tenha ocorrido devido a problemas burocráticos e não por esquecimento, falo em particular dos Joy Division.
O início não poderia ser melhor, abrimos com "Burn" dos The Cure, lembro-me perfeitamente de ouvir a música enquanto Brandon Lee pintava a sua cara ao espelho. A música que tinha sido pedida para a banda sonora era "The Hanging Garden", porque foi aquela onde O´Barr se inspirou, mas Roberth Smith recusou, afirmando que fazia questão em criar uma nova música de propósito para o filme. Foi assim que "Burn" nasceu, uma música que bebe de um livro que bebeu da música, um ciclo interessante.
De seguida temos uma música dos Machines of Loving Grace, "Golgotha Tenement Blues", uma faixa interessante que se adequa ao ambiente negro do filme, seguida por "Big Empty" dos Stone Temple Pilots numa altura em que ainda eram uma referência no panorama actual, uma bela melodia e uma das canções mais bem conseguidas da banda (pelo menos das que eu conheço, que não são assim tantas).
Como tinha referido acima, a maior falta que sinto neste CD é de uns Joy Division, banda tão importante no Corvo. Desconheço os problemas que houve à volta deste assunto, mas felizmente os Nine Inch Nails fizeram um trabalho soberbo com a cover de "Dead Souls". os Joy Division podem não estar na banda sonora mas felizmente uma das suas músicas está e brilhantemente interpretada pelo grupo de Trent Reznor.
De seguida mais uma grande descoberta, nada mais nada menos do que Rage Against The Machine com "Darkness", para todos os que como eu partilham um interesse por eles aconselho-vos esta música pois penso que não se encontra em nenhum dos seus álbuns de originais e vale muito a pena.
Logo a seguir a Rage temos Violent Femmes e funciona, funciona muito bem, mas quando as coisas são boas funciona sempre. "Color me once" é uma música linda e sem dúvida a melhor que conheço deles.
Agora entramos na parte mais hardcore do álbum, começando com a famosa banda de Henry Rollins (o senhor que canta na "Bottom" dos Tool!!!!!!!) falo da "Ghostrider" dos Rollins Band. Logo de rajada temos Helmet com a viciante "Milktoast", mais uma bela descoberta feita graças a este CD.
Agora chegou a vez da parte metal do CD (tinha de cá estar) com "The Badge" dos Pantera. Música muito engraçada, na medida em que usa partes do filme "Taxi Driver" de Martin Scorscese.
"Slip Slide Melting" é a décima música e pertence aos For Love Not Lisa, uma música com muita guitarra e muita paixão.
A próxima música foi a que menos me atraiu quando comprei o CD chama-se "After the flesh" e é dos My Life With The Thrill Kill Kult. Não me entendam mal a música não é má, mas na altura a electrónica ainda não me corria nas veias.
O fim está próximo mas ainda há tempo para os grandes Jesus and Mary Chain, os pais dos Black Rebel Motorcycle club, também uma das descobertas que tenho a agradecer a este CD. A música é a"Snakerider".
As duas últimas canções são as únicas do álbum com voz feminina, falo de "time Baby III" dos Medicine e da bela "It Can Rain All The Time" de Jane Siberry. Quem viu o filme de certeza que se recorda da célebre frase "It Can Rain All The Time".
A escolha do dia de hoje para falar deste álbum não foi deixada totalmente ao acaso, hoje completam-se 14 anos desde a morte de Brandon Lee. A estória do Corvo nasceu do sofrimento de James O´Barr quando a sua namorada perdeu a vida num acidente e terminou em sofrimento com a morte de Brandon Lee durante a realização do filme.
Para recordar Brandon Lee e o Corvo deixo-vos este pequeno video da música "Burn" dos The Cure com imagens do filme.

7 comentários:

gonn1000 disse...

Bom disco, e agora fiquei com vontade de rever o filme porque já lá vão uns anitos...

_Loot_ disse...

Eu tenho andado a viajar pelo mundo do corvo, li o livro, pus o CD na aparelhagem só falta mesmo rever o filme que tenho em VHS. Já encontrei o DVD muito barato na fnac, mas ainda não surgiu a oportunidade.

Red Dust disse...

'O Corvo' também anda por aqui.

A banda sonora está recheada de excelentes bandas. Não tenho a banda sonora, mas devo ter algumas das canções 'espalhadas' pelos meus CD's.

Estou a (re)ver os nomes e algumas desapareceram sem deixar rasto.

looT disse...

É verdade e algumas também estão para regressar, os Jesus & Mary Chain estiveram cá o ano passado e parece que os Stone Temple Pilots e os Rage Against The Machine vão ter novas digressões, estes últimos penso que estão confirmados para tocarem cá.

Red Dust disse...

E temos, também, os The Cure aí já no início de Março.

Uma das minhas bandas preferidas, embora, nos últimos tempos, um pouco longe da criatividade dos anos 80.

looT disse...

Sim, mas os the cure acho que nunca terminaram oficialmente (e vaí daí estou enganado).

São sem dúvida uma grande banda e conheci-os graças a esta banda sonora, e mais tarde quando li o livro tive logo de arranjar o Pornography por causa da Hanging Garden.

Anónimo disse...

é mais baixar que é bom, nada. Não tem um link para dowbload, tem uma minoria de blogs como esse aqui, q são pobres em matéria de músicas. Pô vamo por link pra Download aí. Se liga mané