sexta-feira, setembro 22, 2006

Top 10 vilões do Batman

O Batman para quem não sabe é a minha personagem preferida de BD de super heróis, poderia enunciar muitas razões para o justificar, mas penso que é suficiente referir simplesmente que é o personagem com as melhores estórias (não é por acaso que é o super herói mais utilizado por escritores em novelas gráficas). E um grande Herói precisa de grandes vilões e é precisamente a esses vilões, alguns dos quais dão tanta vida ao mundo obscuro do homem morcego, que este post é dedicado.
Fazer um top 10 para estes vilões é complicado, uma vez que existem tantos é preciso ter em conta várias referências, como por exemplo a continuidade, uma vez que existem vilões que são presenças constantes em Gotham City e outros que raramente ou apenas uma vez é que apareceram nas estórias. Outro dos factores é o grau de ameaça que representam, tanto para o Herói como para a própria cidade, por exemplo: existem vilões que aparecendo poucas vezes marcaram mais a vida e as estórias de Batman do que alguns dos “chamados clássicos” algum dia o conseguirão fazer. E evidentemente o factor “estilo” também entrou em conta, o Penguin é um dos vilões mais antigos e não entra neste top, porque pessoalmente não é um vilão muito cativante, apesar de tentativas para o tornarem um personagem mais sério, sendo actualmente um dos grandes homens do crime organizado em Gotham, (se algo de ilegal se está a passar em principio o Penguin sabe o que é), a verdade é que não foi suficiente para o tornar respeitável, além do mais é um vilão que apesar de se aparentar com um pinguim, não aparenta ter grandes distúrbios mentais, que muitas vezes são as melhores características destes vilões.
A Catwoman também foi uma das personagens que ficou de fora deste Top, simplesmente porque não a considero uma vilã, penso que é uma das melhores personagens do mundo Batman e para mim será sempre a eterna cara-metade de Bruce Wayne. Selina Kyle é uma ladra e já combateu muitas vezes contra o cavaleiro das trevas, mas no fundo não é uma verdadeira vilã, muitas das pessoas roubadas por ela são corruptas de qualquer das maneiras e se o Spawn não é considerado um vilão mas sim um anti-herói, então a Catwoman muito menos (se bem que o Spawn não é exemplo para ninguém em termos de heroísmo). Para terminar, esta lista é baseada apenas nos meus conhecimentos de banda desenhada, nunca li nada com o Black Mask e não conheço muito sobre o Mister Freeze, portanto nunca os poderia incluir na minha lista.
Tirei algumas imagens e informação do site da Wikipedia, nomeadamente o nome dos livros em que os personagens tiveram a sua primeira aparição.
E agora chega de conversa aqui está o top 10:

10 – Riddler

Estive remitente em o colocar nesta lista, uma vez que não consiste em nenhuma grande ameaça, e é muitas vezes patético. O Riddler nunca matou ninguém, e normalmente só ameaça as vidas do Batman e Robin, porém é uma mente brilhante no que trata a resolver enigmas, e aparentando ser muitas vezes ridículo, acabou por descobrir a verdadeira identidade do
homem morcego e isso não tem nada de ridículo.
Durante a saga "Long Halloween" o Riddler é contratado pela Máfia para tentar descobrir um criminoso, por isso a sua reputação em resolver mistérios é bastante reconhecida em Gotham City, pessoalmente acho que ele escolheu mal a profissão.
1º aparição – Detective Comics #140 (1948)
Livros aconselhados: Long Halloween, Dark Victory, Hush.


9 – Lady Shiva

Uma assassina letal, é a única vilã do Batman capaz de o igualar fisicamente, sendo considerada juntamente com ele um dos melhores lutadores de artes marciais do universo DC comics. Lady Shiva já venceu o homem morcego num combate físico sem que este estivesse esgotado e o oposto também já aconteceu, ou seja, independentemente de quem vá ganhar, sabemos que é um combate para durar e durar.
Na estória “A death in the fammily”, durante a luta de Batman e Shiva no deserto, este afirma que não tem tempo para lutar com ela, pois mesmo que a consiga vencer irá demorar imenso tempo, tempo de que ele não dispõe no momento.
Na saga em que Bane fracturou a coluna a Batman, foi Shiva quem o ajudou a recuperar o seu estado físico e o seu espírito, apenas por respeito ao homem que ele uma vez tinha sido.
1º aparição – Richard Dragon, Kung Fu Fighter #5 (1975)
Livros aconselhados – A death in the fammily, Knightsend, Hush.

8 – Bane

É conhecido pelo vilão que colocou Batman numa cadeira de rodas, mas a verdade é que ele fez mais do que isso, ele descobriu a sua identidade e não só quebrou a sua coluna, como quebrou o seu espírito também, duas coisas que nunca tinham conseguido antes.
Bane utiliza uma droga que dá pelo nome de “Venom”, que lhe aumenta as capacidades físicas, atingindo níveis de força sobre-humano. Foi capaz de elaborar um plano em que solta todos os maníacos de Gotham contra o homem morcego e no final do dia quando Batman chega a casa completamente destroçado, encontra Bane à sua espera pronto a destruí-lo.
Mas se este vilão fez tanto de uma só vez, porque é que se encontra apenas em 8º lugar? A resposta é muito simples, a partir desta estória o vilão tem descido consideravelmente e um vilão com potencial para muito mais, encontra-se agora numa liga inferior.
1º aparição - Batman: Vengeance of Bane #1 (1993).
Livros Aconselhados - Knightfall.


7 – Poison Ivy

Dr. Pamela Lillian Isley apresenta uma certa tonalidade verde, usa o nome de uma planta que provoca alergia e comichão e continua a ser um dos “sex symbols” do universo Batman. Os homens caem a seus pés, e o próprio Batman já provou do seu veneno quando lhe tocou nos seus lábios. Li uma frase na “comic.ign”, sobre como muitos vilões atacam as pessoas próximas do Batman ou mesmo o seu parceiro, e que Poison Ivy ataca sempre directamente o homem morcego, é verdade, mas também não podemos esquecer que Ivy manipula muitos homens para fazerem o trabalho por si, relembrando a saga “Hush” em que através das inúmeras toxinas que é capaz de produzir, toma controlo do Super-Homem usando-o para destruir o nosso herói, e adivinhem? Falhou, nem mesmo o homem de aço foi suficiente para vencer o cérebro do cavaleiro das trevas.
Não se tem conhecimento total sobre a sua sexualidade, mas ela já afirmou que nenhum homem e mulher conseguem resistir-lhe, também já referiu mais do que uma vez que é apaixonada pelo homem morcego.
1º aparição - Batman #181 (1966).
Livros Aconselhados – Batman: Poison Ivy and Shadow of the Bat: Annual #3, Batman & Poison Ivy: Cast Shadows, The Long Halloween, Dark Victory, Hush.


6 – Azrael

Jean-Paul Valley pertence à “Ordem Sagrada de São Dumas” e foi escolhido desde criança para desempenhar o papel de Azrael – Anjo da Morte. Foi treinado física e mentalmente desde criança e sendo um bebé de “tubo de ensaio” ainda antes de ter nascido já o preparavam para a tarefa manipulando os seus genes. Recebeu uma lavagem cerebral que dá pelo nome de "Sistema", e tornou-se quando adulto um aliado poderoso de Batman.
Depois de Batman ter ficado paralisado por Bane, Gotham City precisava de um novo protector, Robin (Tim Drake) ainda não estava pronto para assumir o papel, então Bruce escolheu Azrael, uma escolha que à primeira vista teria ido para Nightwing (Dick Grayson) o primeiro Robin. Azrael assimilou então o papel de Batman, mas aqueles mais próximos do homem morcego começaram a notar as diferenças, nomeadamente Jim Gordon, este novo Batman era mais violento e cruel: Azrael até modificou o fato criando armas mais mortíferas e um aspecto mais assustador.
Com o tempo começou a considerar-se o verdadeiro Batman e começou a criar o caos, primeiro expulsando o Robin afirmando que não percebe porque um Batman necessita de um Robin (tenho de afirmar que concordo a 100% com esta frase) e quase matando o rapaz numa luta. Azrael acabou por ser destronado por Bruce Wayne quando este voltou totalmente recuperado, e pronto a desempenhar o papel que toda a vida foi dele.
Há que realçar um momento na estória de Azrael que foi logo após ter vestido o manto de Batman, em que este procura por Bane dando-lhe o maior excerto de porrada que alguma vez ele poderia imaginar, vingando assim a derrota de Bruce Wayne.
1º aparição - Batman: Sword of Azrael #1 (1992)
Livros Aconselhados - Batman: Sword of Azrael #1, Azrael: Agent of the Bat #49, Knightfall.


5 – Scarecrow

Dr. Jonathan Crane é um psiquiatra que se tornou obcecado na temática do medo, utilizando inúmeras drogas de forma a despoletar os medos e fobias inerentes de cada um. É uma escolha muito pessoal por o espantalho em 5º lugar, mas uma das características que eu sempre adorei nos vilões do Batman era a loucura, e este está sem dúvida muito bem colocado nesta categoria. O espantalho é completamente insano e perigoso, é capaz de matar, tendo cometido o seu primeiro homicídio aos 18 anos.
Existem claro outros vilões que representam uma maior ameaça, mas o espantalho já conseguiu provar em algumas ocasiões que é um adversário a ter em conta. Na saga “Dark Victory” ele usa o seu famoso “gás do medo” no Batman e é aliciante ver o homem morcego completamente paranóico, sem dúvida um dos momentos mais triunfantes deste vilão. Após a morte de Jason Todd (o 2º Robin), o espantalho volta a usar o seu gás em Batman a pedido do Joker (na saga knightfall), mas o resultado não é o mesmo, as memórias de o Joker a matar Jason apoderam-se da mente dele e num acto de loucura começa a bater exaustivamente no Joker.
1º aparição - World´s Finest Comics #3 (1941)
Livros Aconselhados – Arkham Asylum, The Long Halloween, Dark Victory, Hush.


4 – Holiday

Holiday é o nome do assassino da saga “The Long Halloween”, uma estória de detectives em que Batman, Jim Gordon e Harvey Dent se aliam para tentar descobrir este criminoso. A sua identidade é um mistério até ao final do livro, e daí a complicação em falar desta personagem, não querendo assim estragar a surpresa a quem ainda não leu. Posso dizer que é uma das melhores estórias “estilo Sherlock Holmes” que li do Batman, e considero que Holiday merece um lugar alto no pódio, porque foi o único caso (que eu conheço) que não foi completamente resolvido, e um vilão que consiga isso numa estória do melhor detective do mundo dos super heróis, merece muita consideração. Pode haver opiniões diferentes, já li teorias na Internet sobre a identidade de Holiday, quando li o livro a mim pareceu-me claro quem era Holiday, ou quem eram, fica o mistério a desvendar e um grande livro a ler…
1º aparição - The Long Halloween (1996-1997)
Livros Aconselhados – The Long Halloween, Dark Victory.


3 – Ra's al Ghul (The Demons Head)

Se Lady Shiva é o melhor adversário de Batman em termos físicos, Ra´s é-o em termos mentais. Tem grandes ideais e valores, mas os seus métodos são cruéis, acredita que os meios justificam os fins, e se para tornar o mundo um sítio melhor tiver de matar grande parte da população, então que seja.
Normalmente os vilões de Batman ameaçam Gotham City, Ra´s al Ghul é dos únicos que muitas vezes ameaça o mundo.
Ra´s tem vivido durante séculos, graças aos banhos que toma no seu “lazarus pit”, que possui poderes curativos capazes de rejuvenescer e curar de feridas mortais qualquer Homem. A contrapartida é que muitos acreditam, que a utilização do “lazarus pit” provoca loucura, e Ra´s têm-no usado há já muitos anos.
Apesar das divergências, ele nutre grande respeito e admiração pelo cavaleiro das trevas, considerando-o o único digno de casar com a sua filha Talia al Ghul, de quem Batman já teve um filho (mas esta estória acabou por ser interrompida e nunca mais se fez referência à existência desta criança).
1º aparição - Batman #232 (1971)
Livros Aconselhados – Birth of the demon, Son of the demon, Babel Tower, Hush.


2 – Two-Face

Harvey Dent, era juntamente com Bruce Wayne e Jim Gordon um dos poucos Homens honestos em Gotham City, alguém que procurava justiça acima de tudo, Dent era o único procurador-geral com coragem para acusar a máfia e outros criminosos em Gotham City, quando os tempos eram mais obscuros e Batman ainda não existia.
Graças a estes três homens a criminalidade em Gotham desceu significantemente, eram justiceiros e acima de tudo amigos. No dia em que "Boss" Maroni estava a ser acusado em tribunal por Harvey Dent, este atirou-lhe com ácido, desfigurando-lhe metade da cara e despoletando uma dualidade na sua personalidade. Assim nasceu um dos vilões mais clássicos deste herói: Two-Face.
Batman sempre se culpabilizou pela perda de Dent para o outro lado, e apesar de lutarem constantemente um contra o outro, podemos sempre notar que a relação entre os dois é diferente da de qualquer outro vilão.
Ele usa uma moeda riscada de um lado, atirando-a ao ar sempre que precisa tomar uma decisão, a moeda tal como a sua cara é um símbolo da sua dualidade, aliás um dos maiores momentos entre estes dois, acontece no “Arkham Asylum” em que Batman se encontra refém dentro do Asilo juntamente com grande parte dos seus inimigos e é Two-Face o escolhido para decidir se ele fica ou não, não vou contar mais porque é uma sequência sublime.
Existem pelo menos 3 estórias em que diferentes escritores exploraram as possibilidades de colocar esta personagem sob cirurgia estética, devolvendo-lhe a sua aparência antes do acidente. Em “Hush” e “Black & White” Harvey Dent recuperou a sua personalidade original abandonando a sua carreira de vilão, em “ The Dark Knight Returns” o resultado foi precisamente o oposto, Dent sente-se todo ele um monstro.
1ºaparição - Detective Comics #66 (1942).
Livros Aconselhados – Batman: Year One, Arkham Asylum, The Dark Knight Returns, Black & White, The Long Halloween, Dark Victory.


1 – The Joker

Nenhum vilão teve tanto impacto na vida do homem morcego, como o Joker, foi ele o responsável pela morte do seu protegido Jason Todd (2º Robin), o único acto de qual Batman nunca recuperou e o atormenta ainda hoje. O Joker também foi o responsável por colocar Barbara Gordon (Batgirl) numa cadeira de rodas no livro “The Killing Joke”, uma brilhante estória de Alan Moore, em que este cria uma possível origem para este personagem, sendo considerado por muitos como a verdadeira. Mas a realidade é que o próprio Joker não tem a certeza do que lhe aconteceu e várias vezes as suas recordações são diferentes, e este foi um toque de génio da parte de Moore ao escrever a estória.
Imaginem a insanidade mental encarnada em uma pessoa e têm o Joker, a personagem mais louca desta saga e mais divertida também, o seu olhar transpira loucura e frieza e o seu riso é agoniante e assustador. Grant Morrison fez uma das melhores utilizações desta personagem em “Arkham Asylum”, em que o desenho sombrio de Dave Mckean contribui em muito para esta imagem do Joker.
Se Batman é o Yin, Joker é o Yang, um é o oposto do outro, e mesmo no meio desta loucura as personagens tocam-se. Muitos afirmam que o Joker só existe por causa do Batman, que sem ele não haveria Joker, e no “The Dark Knight Returns” de Frank Miller, a verdade é que após a reforma do homem morcego, este perde a vontade de continuar.
Um dos grandes momentos desta personagem é precisamente no livro de Miller quando este observa que o homem morcego voltou ao activo e um sorriso maquiavélico se esboça na sua cara. Outra grande cena deste personagem é no final de “The Killing Joke” que termina com os dois a rirem-se como loucos de uma anedota contada por Joker. E apesar de não ser um grande livro, vale a pena ler “ a death in the fammily” uma vez que é nesta estória que o Joker mata o Robin espancando-o brutalmente com um pé de cabra e deixando-o morrer numa explosão, em uma das cenas mais sádicas encontrada num livro do homem morcego.
1º aparição - Batman #1 (1940).
Livros Aconselhados – Arkham Asylum, The Dark Knight Returns, The Killing Joke, Black & White, The Long Halloween, The Dark Victory, Hush, A death in the fammily.

31 comentários:

_lamy_ disse...

epá... muito bom!!:)
não conheço alguns vilões mas curti d ler...

e deu-me vontade de ir ler BD!:P

_Loot_ disse...

Se isto der vontade de ler BD então missão cumprida :).
Já agora, algum preferido?

Francisco Mendes disse...

Perfeitamente de acordo com as escolhas. Mas sinto um afecto muito especial pela Poison Ivy.

_Loot_ disse...

Curioso, a Poison Ivy foi sem dúvida a mais difícil de colocar no top, não sabia em que lugar a colocar. Basiei-me muito nos livros que li e talvez me falte leitura nessa personagem, mesmo assim é um dos clássicos e o grande vilão feminino do Batman.

cube disse...

Joker is my favorite one... não fosse eu influenciada por ti;)

wasted blues disse...

Não conhecia todos... mas acho que falta aqui a Catwoman!

_Loot_ disse...

Não sei se leste o início, mas explico porque não coloco a catwoman, é simplesmente porque não a considero uma autêntica vilã. É uma das minhas personagens favoritas mas vilã é um termo muito forte para ela, é uma ladra mas não é realmente má. Claro que poderiamos questionar-nos se os loucos são realmentes maus também.

gonn1000 disse...

Concordo com a Wasted, falta aí a Selina Kyle. É certo que não é bem uma vilã, antes umaanti-heroína, mas uma imagem dela sempre ficaria melhor do que a do... Bane, não?

_Loot_ disse...

A Selina no top ia no mínimo para um 3º lugar. Mas como disseste mais uma anti-heroína. Na Hush até Batman decide revelar-lhe a sua identidade secreta e começar uma relação com ela. Neste comic há claramente um grupo de heróis que se alia a um grupo de vilões e não é surpresa ver a Selina aliada aos bons. Claro que no final há um clima de desconfiança e a relação entre os dois não perdura.
Quanto ao Bane, mil Selinas à frente dele, concordo. Mas o Bane está na lista porque de facto teve um momento de grandeza como vilão e magoou seriamente o homem morcego. A selina ultimamente se magoar Batman é mais no coração.
o Azrael também tive dúvidas em por porque sempre foi um dos bons, mas devido ao sistema que lhe implantaram na cabeça teve um momento de loucura onde se comportou como um verdadeiro vilão. E alguém usurpuir o lugar de batman em Gotham foi deveras um feito a ter em consideração.

gonn1000 disse...

Conhecimento enciclopédico sobre o homem-morcego, estou a ver :)

gonza disse...

Muito bom mesmo.. Deu-me imensa vontade de ler mas não tenho livros nenhuns do Batman.
Sabes onde é que eu posso arranjar livros do Batman em Português?

_Loot_ disse...

Obrigado :)

A fnac actualmente tem aumentado em muito o seu stock de BD, de certeza que lá encontrarás muita coisa em português, entre os quais aconselho:

- Asilo Arkham (Grant Morrison)
- Ano um (Frank Miller)
- O regresso do cavaleiro das trevas (Frank Miller)
- Piada Mortal (Alan Moore)

Infelizmente ainda há muitos livros que não foram editados em português e são muito bons, tais como Long Halloween (Jeph Loeb) ou Black & White (vários artistas), esses podes encontrar em qualquer loja especializada de BD, como a BD mania, a Kingpin of Comics, ou até mesmo a fnac que como disse está a crescer a olhos vistos neste departamento.

Abraço

Anónimo disse...

acho que eu conheço alguns outros vilões colega, está aqui a lista deles.
- Coringa - Mulher Gato
- Duas Caras - Charada
- Espantalho - Pinguim
- Hera Venenosa - Cara de Barro
- Ra's al Ghul - Sr. Frio
- Vagalume - Arlequina
- Bane - Azrael
- Lady Shiva - Morgego Humano
- Ceifador - Crocodilo
- Lunar - Ventríloquo

_Loot_ disse...

Obrigado pela intenção, mas eu também conheço esses vilões, só que a minha ideia com este post foi a de apenas colocar os meus 10 favoritos.

Como já disse a Catwoman actualmente para mim é uma anti-heroína e não uma vilã.

Obrigado pela visita

Anónimo disse...

todos sao muito bons mas acho q devia colocar o pinguim em 10º e tirar o riddler. mas o meu preferido e o two face

looT disse...

É uma tarefa complicada, pois há muitos vilões de grande qualidade em Batman.
O Pinguim apesar de tudo é um clássico e foi muito bem representado no filme de Burton estava assustador, mas na altura em que fiz o top os livros que tinha lido com o Riddler estavam mais na memória.

O Two Face é soberbo, a sua estória trágica e o facto de ter sido amigo de Bruce Wayne fazem dele o vilão que tem uma ligação mais pessoal como o homem morcego e não lhe aponto defeitos é sem dúvida um dos meus preferidos, mas para mim o Joker é o Joker e por isso imbatível :)

Obrigado pelo comentário.

Anónimo disse...

e o charada?

looT disse...

O Charada é o Riddler e está em número 10 neste top ;)

gonza disse...

Gostava de começar a ler os livros do batman. Nunca li nada. Por onde começar?

looT disse...

O ideal seria começar pelo início mas uma vez que o Batman já é publicado desde os anos 30 e até pela dificuldade em arranjar alguns números se calhar nunca mais começas a ler isto.

Sendo mais prático acho que o melhor livro para começares a ler é mesmo o "Year One" do Frank Miller. Aqui aborda-se o início do Batman o porquê de ele ter escolhido o morcego como símbolo entre outras coisas.

A partir daqui o Jeph Loeb e o Tim Sale escreveram dois livros que foram uma espécie de sequela do "Year One" e que são excelentes. Chamam-se "The Long Halloween" e "Dark Victory". São ambos muito bons mas o Halloween é melhor.

No entanto são dois livros que metem muitos vilões quase todos e podes querer ler alguns livros antes para os conheceres melhores.
No caso do Joker a "The Killing Joke" é obrigatória e a "The Man Who Laughs" também vale a pena.

Quando estiveres mais ambientado neste mundo é obrigatório leres:

- Arkham Asylum

- The Dark Knight Returns

- Black & White Vol.1

The "Dark Knight Strikes Again" também vale a pena é a sequela do "The Dark Knight Returns" mas não tão bom.
Alguns destes livros não seguem a continuidade da DC comics por isso não te admires se leres coisas que tornam eventos por exemplo do "The Dark Knight Returns" impossíveis

Estou a colocar estes todos porque são dos melhores mas saliento que não tens de os ler por esta ordem, é apenas uma ideia.
Depois ainda há uma data de livros sobre o Ra´s Al Ghul (este vilão não entra no Long Halloween por isso nem aconselho a ler estes primeiro) caso te interesses pelo personagem. Como o "Birth of the Demon", "Son Of The Demon" ou "The Saga Of Ra´s Al Ghul".
Destes últimos ainda não li todos.

Se gostares depois é continuar a ler, o "Mad Love" é engraçado eu próprio quero ver se leio o "Nine Lives", "Gotham by Gaslight", "Gothic", etc. Há muita coisa e muitos excelentes. Coloquei aqui os meus predilectos a não ser que me tenha esquecido de algum.

Abraço e volta sempre.
Espero que tenha ajudado mais do que confundido :)

Anónimo disse...

Para mim ainda falta pinguim

Anónimo disse...

Po.. vo tenta achar livros sobre o batman, e baixar o desenho. E parabéns está muito bom seu blog sobre o batman, adorei!!
abraços

looT disse...

Obrigado ;)

Anónimo disse...

It's interesting to see just how permeant memory has become in our everyday lives. It seems like everytime I turn my head, I see something with a card slot or USB jack, haha. I guess it makes sense though, considering how much more afforable memory has become as of late...

Gahhhhh... I shouldn't be complaining. I can't get by a single day without using my R4 / R4i!

(Submitted from FPost for R4i Nintendo DS.)

Anónimo disse...

Tá FALTANDO A ARLEQUINA!

Loot disse...

Camarada só cabem 10 :P

Se fosse repetir este top hoje provavelmente seria diferente e daqui a uns dias também lol.

Na altura também queria dar a conhecer alguns vilões menos conhecidos e que tiveram algures um papel muito importante a desempenhar.

Mas mais depressa meto o Penguin do que a Harley Queen. Na altura ia fazer um top de anti-heróis em que ia figurar a Catwoman, mas nunca acabei por terminá-lo.

Abraço

Andreia Mandim disse...

Excelente post!

Destes, penso que o Joker continua a ser um dos meus preferido, principalmente porque não sou grande fã de 'tudo o que seja parecido com palhaços', por isso o papel deste vilão tem uma ajuda no meu consciente! Para não falar da sua origem inconclusiva, sou sincera, e acho que todos pensamos assim se reflectirmos um pouco: o que mais nos assusta e atormenta são 'coisas' sem sentido lógico ou uma explicação - e é esse o caso desta brilhante personagem.

http://cinemaschallenge.blogspot.com/

Anónimo disse...

minha lista
1 joker
2 two face
3 ras al ghul
4 bane
5 riddler
6 penguin
7 black mask
8 scarecrow
9 poison ivy
10 mr freeze
11 killer croc
12 clayface

Walysson disse...

Muito fraca a lista, Cara de Barro, Crocodilo,Ventríloquo ate que entendo ficar fora mas ficar sem Pinguim, Sr. Frio e Arlequina é um absurdo!

E esse lance de falar que a Mulher Gato não está na lista de vilões não tem nada a ver.


Loot disse...

Novamente o Pinguim é o meu maior arrependimento em não estar aqui, um erro crasso. Quanto aos outros mencionados, são mais discutíveis, são tantos vilões, alguns têm de ficar de fora.

A Catwoman, goste-se ou não, actualmente de vilã do Batman tem muito pouco (nada).

Anónimo disse...

o holiday ja tem a identidade revelada o nome dele: julian day.e siceramente nao acho uma boa escolha